Público alvo: como definir o teu cliente?

Como descobrir o teu público alvo e cliente tipo

Trabalhas com afinco, mas não tens resultados. O problema pode estar na definição do teu público alvo!

Falar para quem não quer ouvir, ou não tem interesse nos teus serviços ou produtos, é gastar tempo e dinheiro – recursos essenciais na vida de qualquer empreendedor.

Quando se trata de definir o público alvo, a intuição e a subjetividade devem estar fora da equação. Para criar uma proposta de valor é preciso conhecer a nossa audiência. Quem são, o que procuram, quais os problemas que têm, como se pode ajudá-los… enfim, um sem-número de informações.

Neste ponto, impõe-se a pergunta: sabes para quem estás a comunicar e queres vender os teus produtos ou serviços?

Se souberes responder com algum detalhe, estás no bom caminho. Se não tens ideia, ainda há tempo para colocar o público-alvo sob os holofotes e começar a ganhar clientes.

[toc]

Razões por que deves ter um público alvo

Definir a nossa audiência traz clareza ao negócio porque tudo o que fizeres será com o teu público alvo em mente.

O público alvo é um grupo de consumidores que partilham um perfil semelhante. São eles que estão verdadeiramente interessados no que tens para oferecer. Pensa sobre o seguinte:

  • Quem é que realmente precisa dos teus produtos e serviços?
  • Quais são as pessoas com quem queres trabalhar?

Ao realizares este exercício estás a segmentar a audiência e a determinar o perfil do teu cliente tipo.

Da próxima vez que escreveres uma publicação, ou realizares uma campanha de marketing saberás a quem direcionar a mensagem, qual o tom de comunicação e em que plataformas o teu público alvo costuma estar e valerá a pena investir.

Vantagens de definir um público-alvo

Tipo de conteúdos

Uma das maiores dificuldades prende-se com a geração de ideias para conteúdos.

Ao conheceres o teu público alvo podes produzir artigos direcionados para estas pessoas, que sejam verdadeiramente úteis, clarifiquem dúvidas ou resolvam problemas. Estás a entrar na cabeça dos consumidores, a antecipar necessidades e esta competência é altamente valorizada.

Oferta de serviços

Talvez estejas a oferecer um serviço e a comunicar às pessoas erradas. Por exemplo, és professor de francês e tens um curso no YouTube para iniciados, mas quem procura e está disposto a pagar pelos teus serviços – o teu público alvo – são pessoas num nível mais avançado que querem aperfeiçoar a língua.

Dois públicos alvo podem coexistir, mas é preciso identificar este fenómeno e decidir se é viável manter ambos, avaliando a relação custo-benefício.

Se nas redes sociais existem perguntas recorrentes sobre problemas em concreto, esta é uma oportunidade para criar um serviço, desenvolver um webinar, escrever um ebook, etc., que responda às expetativas e necessidades da tua audiência.

Plataforma certa para comunicar

Produzir e partilhar conteúdos nas diferentes redes sociais exige dedicação para além de consumir tempo, se quiseres fazê-lo de forma correta. Contudo, não é preciso estar presente em todas as plataformas!

Ao definires o teu público alvo, podes apontar todos os esforços de comunicação e marketing somente para as plataformas onde sabes que vais encontrar a tua audiência. Poupas tempo e ganhas em resultados.

Que informações obter para definir o meu público alvo?

Todas as informações são importantes quando se procura conhecer o público alvo, desde aspetos demográficos, passando por rendimentos, até estilos e hábitos de vida. Deve procurar-se obter dados sobre:

  • Idade e género;
  • Estado civil;
  • Profissão;
  • Classe social;
  • Vencimento;
  • Hábitos de compra – offline, online, esporádico ou frequente…
  • Estilo de vida;
  • Preferências;
  • Ciclo de vida – gravidez, casamento, mudanças de trabalho…
  • Etc.

Talvez seja difícil saber que X consumidor ganha Y euros, por mês. Procura-se uma estimativa. Enquadrar o cliente ideal num intervalo de valores, por forma a adaptar os preços que praticas e melhorar a oferta de serviços.

Numa altura em que se discute a nova lei de proteção de dados, parece uma tarefa complexa conseguir informações tão detalhadas sobre um consumidor, mas existem formas, sobretudo se já tiveres uma base de seguidores nas tuas redes.

Ir mais além e conhecer melhor o teu público alvo

Definiste o teu público alvo e tens pessoas interessadas nos teus serviços ou produtos, mas sabes se representam a audiência ideal para fazer crescer o teu negócio?

Para além de escutar de forma ativa as redes sociais, deves ter especial atenção às pessoas que entram em contacto contigo de forma espontânea. Perceber quem são, que perguntas colocam e se representam o teu cliente ideal.

Caso sejam representativas do teu público alvo, significa que estás no bom caminho. Se por outro lado, procuras outro perfil de clientes, deves reavaliar as tuas estratégias de comunicação, marketing e a oferta de serviços.

Perguntar

É comum encontrar publicações no Facebook ou no Instagram onde nos perguntam, de forma direta, que tipo de conteúdos ou serviços estaríamos dispostos a adquirir. Esta é uma maneira eficaz de conhecer e melhorar a relação com o nosso público alvo. Perguntar!

Podes criar um questionário online com perguntas de escolha múltipla, incentivar comentários numa publicação ou envio de mensagem diretas.

Estatísticas

Muitas das informações necessárias para bem definir o público alvo podem ser encontradas no Analytics de qualquer rede social, blogue ou website. É importante também analisares os conteúdos do teu blog e verificares quais são mais vistos.

Esta popularidade dá-te uma indicação sobre os interesses e problemas dos consumidores e poderás, inclusive, criar um serviço ou produto que vá ao encontro destas expetativas.

Conclusão

O melhor produto ou serviço não serve as necessidades de todos. É preciso segmentar para atrair a atenção dos clientes que procuram resolver um problema para o qual nós temos a solução.

Experimenta os exercícios propostos neste artigo. Pensa no teu produto/serviço: O que resolve? Quem pode estar interessado? Quem são estes clientes? São mulheres? Empresários? Pessoas que querem aprender línguas ou ganhar dinheiro com um blog?

Procura detalhar ao máximo o teu público alvo. Tudo o que fizeres de seguida, será com eles em mente.

Subscreve a Newsletter Gratuita

Preenche o formulário para subscreveres a newsletter gratuita do Nomadismo Digital Portugal e recebe conteúdos exclusivos e todas as novidades em primeira mão!

Os dados são apenas para efeitos de envio da newsletter. Não são cedidos a terceiros.

Autoria

Posts Relacionados

Bilhetes à venda para o Workshop Online: "Como (e por onde) Começar no Digital?"