Ser Assistente Virtual é uma forma de ganhar dinheiro na Internet

Um assistente virtual é um profissional independente que oferece, de forma 100% remota, serviços de assistência administrativa ou técnica a outros profissionais, nomeadamente freelancers, empreendedores, startups e pequenas ou médias empresas.

Esta profissão surgiu nos Estados Unidos e tem-se espalhado um pouco por todo o mundo, muito graças à evolução tecnológica mas também pelo número cada vez maior de negócios online.

O que faz um assistente virtual?

Sendo que cada projeto e cliente são únicos, um assistente virtual procura primeiro conhecer as reais necessidades do cliente.

Perceber o negócio e os seus objetivos, permite ao assistente virtual conseguir oferecer os melhores serviços, não só em termos de profissionalismo e qualidade, mas também que permitam agregar valor ao negócio do cliente.

De uma forma geral, um assistente virtual está apto a desenvolver qualquer função de suporte administrativo que não necessite de presença física, como por exemplo:

  • Organização de agenda
  • Inserção de dados
  • Organização de arquivos digitais
  • Gestão de correio eletrónico
  • Criação de apresentações virtuais
  • Criação e gestão de contas em redes sociais
  • Elaboração de pesquisas e estudos de mercado
  • Processamento de texto
  • Criação de relatórios
  • Reservas online
  • etc.

Vantagens em contratar um assistente virtual

Por esta altura já percebeste que um dos valores agregados à contratação de um assistente virtual é tempo: tempo para te poderes dedicar às tarefas que permitem o teu negócio crescer ou simplesmente teres mais tempo para ti e para o que te faz feliz.

Mas esta não é a única vantagem!

Recorreres a este profissional é também sinónimo de aumento de produtividade: tens mais tempo e energia para te dedicares ao que realmente sabes e precisas de fazer no teu negócio.

As tarefas administrativas e burocráticas que te ocupavam tanto tempo no teu dia, ficam assim entregues a um especialista: o teu assistente virtual!

Além disso, contratares um assistente virtual confere-te também flexibilidade no número de horas contratadas. Ao adquirires os serviços de um assistente virtual, não estabeleces com ele um contrato de trabalho, mas sim um contrato de prestação de serviços. Podem descobrir juntos quantas horas é que precisas que o assistente virtual trabalhe, e ajustarem assim uma contratação perfeitamente ajustada às tuas necessidades.

Como contratar um assistente virtual

Já sabes o que é um assistente virtual, que atividades desenvolve e quais as são as vantagens que obténs ao adquirir os serviços de um. A pergunta final impõe-se:

Como é que podes contratar um e teres a certeza que os resultados alcançados são os que desejas?

Para teres a resposta, nada melhor que um exercício:

Anota todas as tarefas que não gostas de fazer, em que perdes demasiado tempo por não serem a tua especialidade ou que gostavas de delegar. Para cada um dos pontos que referiste, responde às seguintes questões:

  • O que é que preciso que seja realmente feito neste ponto?
  • Qual é o resultado que pretendo alcançar aqui?
  • Que ferramentas ou dados o assistente precisa de ter ou de saber para realizar esta tarefa com sucesso?
  • É uma tarefa que preciso de forma continuada ou é uma tarefa pontual? Se é uma tarefa pontual, qual é a data na qual preciso que o trabalho me seja entregue?

Agora é só marcares uma reunião com um assistente virtual, para que possam perceber quantas horas são recomendadas para estas tuas necessidades.

Saber delegar

Para contratares um assistente virtual tens que saber delegar. Delegar é um dos passos que leva qualquer negócio ao sucesso, pois chega a um momento em que tens que otimizar o teu tempo para fazer coisas realmente importantes para fazer crescer o teu trabalho e negócio.

Tens de perceber e decidir quais as tarefas em que precisas ou queres ajuda. Só assim é que te podes dedicar ao que realmente importa para ti e para o teu negócio. Para que possas ficar tranquilo depois de delegares as tarefas ao assistente virtual, tens de confiar. Tens que confiar no profissional que contrataste e garantir que lhe passaste toda a informação de que ele precisa.

'Se queres crescer como empreendedor, tens que aprender a delegar' – Richard BransonClica para Twetar

Queres conversar com uma assistente virtual portuguesa? Clica aqui e envia-me um e-mail para percebermos como é que te posso ajudar a fazer crescer ainda mais o teu negócio ou atividade profissional.

Gostaste? Dá o teu like neste post! ❤️